Grupos armados Al-Shabaab assumem a responsabilidade pelos últimos ataques na capital da Somália.

Pelo menos nove pessoas foram mortas sob suspeita de um atentado terrorista em Mogadíscio, capital da Somália, de acordo com a polícia e testemunhas.

O ataque de terça-feira matou e feriu civis e membros das forças de segurança.

“Embora as investigações ainda estejam em andamento, ao que tudo indica até agora, homens-bomba causaram a explosão”, disse o policial Muhammad Ali à agência de notícias AFP, seis membros das forças de segurança, acrescentando que três civis foram mortos. Onze outros ficaram feridos.

Outro policial de Mogadíscio, Dadir Hassan, disse que o número de mortos foi de 11. Ele ligou para a Agência Anadolu e disse que o homem-bomba tinha como alvo um café movimentado perto de uma grande base militar em Mogadíscio.

“Investigações preliminares confirmam que o ataque foi resultado de um atentado suicida em uma cafeteria frequentemente visitada por forças de segurança e civis, matando pelo menos 11 pessoas, incluindo soldados, e ferindo várias.” Foi “, disse Hassan. ..

O atentado foi alegado por um grupo armado da Al-Shabaab ligado à Al-Qaeda que lutou para derrubar o governo federal da Somália.

A testemunha Kudo Yusuf disse à AFP: “Passamos pela área minutos depois da explosão, mas toda a área ficou confusa por termos jogado fora os sapatos da vítima”.

Outra testemunha, Adan Hussein, disse que viu alguns corpos sendo levados para uma ambulância.

O primeiro-ministro da Somália, Mohamed Hussein Roble, acusou o ataque “indiscriminado”.

“Este ato bárbaro mostra como os terroristas da Al-Shabaab estão famintos pelo derramamento de sangue indiscriminado do povo somali e nos obriga a cooperar na luta contra o terrorismo”, disse Roble.

Al-Shabaab governou a capital até 2011, empurrado pelas forças da União Africana, mas ainda tem território no campo e freqüentemente ataca alvos governamentais e privados em Mogadíscio e em outros lugares.

..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *